O Melasma é uma condição crônica que se caracteriza pelo aparecimento de manchas escuras na pele, as quais são muito comuns no rosto, mas também podem acometer pescoço, colo e até braços.

É mais comum em mulheres adultas, chegando a representar cerca de 90% dos casos, e sua incidência é mais alta durante a gravidez.

Ou seja, estar na condição de gestante pode contribuir para o aparecimento do problema, isso ocorre graças às alterações hormonais que a mulher sofre durante a gravidez.

Outros fatores que podem ser precursores da doença é a predisposição genética, e principalmente a exposição às altas temperaturas e ao Sol.

SINTOMAS

Os principais sintomas do Melasma são manchas escuras ou acastanhadas que geralmente aparecem no rosto, principalmente nas maçãs, testa, nariz e buço.

Mas também pode ocorrer o Melasma extra facial, ou seja, em outras partes do corpo, como braços, pescoço e colo.

As manchas possuem formatos irregulares e bem definidos.

TRATAMENTO PARA O MELASMA

Para o tratamento do Melasma é indispensável o uso de filtros solares, pois estes ajudam a estabilizar os benefícios obtidos no decorrer do tratamento.

No entanto essa condição não possui uma cura definitiva, porém é possível chegar a excelentes resultados nos quais as manchas clareiam bastante ao ponto de ficarem pouco perceptíveis.

Mais é importante manter os cuidados e utilizar proteção solar todos os dias, pois as marcas podem ficar mais fortes posteriormente, caso não mantenha o cuidado contínuo.

Existem várias opções de tratamento então procure um médico dermatologista, é ele quem irá avaliar o seu caso e o melhor tratamento para o seu quadro.

PREVENÇÃO

A maior prevenção para o Melasma sem sombra de dúvidas é a proteção solar.

O uso do filtro deve ser diário, mesmo em dias frios, nublados ou chuvosos, inclusive para quem passa o dia dentro do escritório.

Outra medida importante é a reaplicação do produto ao longo do dia.

Para saber mais sobre o Melasma agende uma consulta com nossos especialistas, continue acompanhando o blog da Clinica Albuquerque, e nossas redes sociais (Facebook e Instagram) para mais conteúdos como esse e de diversos outros tratamentos.